Pode tomar LORATAMED para dormir?

Produtos Farmacêuticos

Pode tomar LORATAMED para dormir?

julho 24, 2023
Junte-se a mais de 100 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos, presentes, brindes exclusivos com prioridade

O Loratamed é um medicamento antialérgico amplamente utilizado para o alívio dos sintomas de alergias sazonais e crônicas. Sua substância ativa, a loratadina, age bloqueando os efeitos da histamina no organismo, proporcionando alívio para os sintomas alérgicos. Embora seja eficaz no tratamento de alergias, o Loratamed não é indicado para ser utilizado como um medicamento para dormir. Neste artigo, explicaremos por que o Loratamed não deve ser utilizado com essa finalidade e como garantir uma boa noite de sono de forma segura e saudável.

O que é o Loratamed?

O Loratamed é um medicamento antialérgico da classe dos antihistamínicos. Sua principal substância ativa é a loratadina, que atua bloqueando a ação da histamina, uma substância liberada pelo sistema imunológico durante reações alérgicas. Ao impedir a ligação da histamina aos seus receptores, o Loratamed alivia sintomas alérgicos como coriza, espirros, coceira na pele e olhos, entre outros.


O Loratamed causa sonolência?

Diferentemente de alguns antihistamínicos mais antigos, a loratadina, presente no Loratamed, foi desenvolvida para ter menor afinidade por receptores no sistema nervoso central, o que reduz consideravelmente a ocorrência de sonolência como efeito colateral. Portanto, o Loratamed é considerado um medicamento não sedativo e não deve ser utilizado como indutor de sono.

Riscos de tomar Loratamed para dormir

A automedicação com qualquer medicamento, incluindo o Loratamed, para fins não indicados pode acarretar riscos à saúde. Tomar o Loratamed com o intuito de dormir pode não apenas ser ineficaz para essa finalidade, mas também pode levar a um uso inadequado do medicamento, aumentando o risco de reações adversas e efeitos colaterais.

Além disso, se o indivíduo tiver problemas de sono crônicos, como insônia, utilizar o Loratamed não irá tratar a causa subjacente do distúrbio do sono. É essencial abordar quaisquer problemas de sono com um profissional de saúde qualificado para obter o diagnóstico e tratamento adequados.

Como melhorar a qualidade do sono de forma segura?

Se você está enfrentando problemas para dormir, é importante buscar alternativas seguras e eficazes para melhorar a qualidade do sono. Algumas dicas para promover um sono saudável incluem:

  • 1. Manter um horário regular de sono: Tente dormir e acordar em horários consistentes todos os dias, mesmo nos fins de semana.
  • 2. Criar um ambiente propício para o sono: Mantenha o quarto escuro, silencioso e com uma temperatura agradável para dormir.
  • 3. Evitar estimulantes antes de dormir: Evite o consumo de cafeína, nicotina e outros estimulantes algumas horas antes de dormir.
  • 4. Estabelecer uma rotina relaxante antes de dormir: Praticar atividades relaxantes, como ler um livro ou tomar um banho morno, pode ajudar a preparar o corpo para o sono.
  • 5. Limitar a exposição à tela: Evite o uso de dispositivos eletrônicos, como smartphones e computadores, antes de dormir, pois a luz azul emitida por esses dispositivos pode interferir no sono.
  • 6. Praticar exercícios físicos regularmente: A prática de atividade física pode ajudar a melhorar a qualidade do sono, mas evite fazer exercícios muito intensos próximo ao horário de dormir.

Cursos da Sagifit sobre Saúde e Bem-estar

Deseja aprender mais sobre saúde, bem-estar e qualidade do sono? Conheça os cursos da Sagifit! Temos uma variedade de cursos que abordam temas como nutrição, exercícios físicos, gestão do estresse e muito mais. Acesse agora mesmo nosso site: https://sagifit.com.br/cursos.

Aviso Legal

Este artigo tem caráter informativo e não substitui a consulta médica profissional. As informações aqui apresentadas não configuram prescrição ou indicação de medicamentos. Para obter orientação sobre tratamentos adequados para problemas de sono ou outras condições de saúde, é fundamental buscar a avaliação de um médico ou profissional de saúde qualificado. O uso inadequado de medicamentos pode acarretar riscos à saúde, portanto, siga sempre as orientações médicas.