Quem está na menopausa pode voltar a menstruar?

Saúde feminina

Quem está na menopausa pode voltar a menstruar?

julho 30, 2023
Junte-se a mais de 100 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos, presentes, brindes exclusivos com prioridade

A menopausa é uma fase natural na vida da mulher que marca o fim da sua capacidade reprodutiva. Durante esse período de transição hormonal, é comum surgirem dúvidas sobre o ciclo menstrual e a possibilidade de voltar a menstruar. Neste artigo, vamos abordar se quem está na menopausa pode ou não voltar a menstruar e esclarecer alguns pontos importantes sobre o assunto.

Entendendo a menopausa e a ausência de menstruação

Antes de abordarmos a possibilidade de voltar a menstruar na menopausa, vamos entender o que é a menopausa e por que ocorre a ausência de menstruação durante essa fase.


O que é a menopausa? A menopausa é o período em que ocorre a interrupção permanente da menstruação e a diminuição significativa da produção hormonal, principalmente do estrogênio e da progesterona. É considerada oficialmente quando a mulher fica 12 meses seguidos sem menstruar.

Por que ocorre a ausência de menstruação? A ausência da menstruação na menopausa é resultado do esgotamento dos folículos ovarianos, estruturas que contêm os óvulos. Com a diminuição dos hormônios reprodutivos, os ciclos menstruais se tornam irregulares até cessarem completamente.

É possível voltar a menstruar na menopausa?

Em geral, a resposta é não. A menopausa é caracterizada pela cessação permanente da menstruação, indicando o fim da fase reprodutiva da mulher. No entanto, é importante destacar algumas exceções e nuances relacionadas a esse tema:

Perimenopausa e irregularidades menstruais

Antes da menopausa, as mulheres passam pela perimenopausa, período em que os níveis hormonais começam a flutuar, resultando em ciclos menstruais irregulares. Durante essa fase, pode haver meses em que ocorra menstruação e meses em que não ocorra, o que pode levar a interpretações equivocadas sobre a possibilidade de retorno da menstruação.

Uso de terapias hormonais

Algumas mulheres podem optar por realizar a terapia de reposição hormonal (TRH) para aliviar os sintomas da menopausa. Nesses casos, o uso de hormônios pode resultar em sangramentos uterinos que se assemelham à menstruação, mas não indicam um retorno do ciclo menstrual natural.

Outras causas de sangramento

É fundamental entender que, mesmo após a menopausa, a ocorrência de sangramento vaginal não deve ser ignorada. Pode ser resultado de outras condições médicas, como pólipos uterinos, hiperplasia endometrial ou até mesmo câncer. Portanto, qualquer sangramento vaginal após a menopausa deve ser avaliado por um profissional de saúde.

Possíveis sintomas após a menopausa

Após a menopausa, as mulheres podem experimentar algumas mudanças e sintomas relacionados à ausência de hormônios reprodutivos, tais como:

  • Fogachos: ondas de calor repentinas e intensas que podem ser acompanhadas por suores noturnos.
  • Alterações no humor: oscilações emocionais, irritabilidade e ansiedade.
  • Ressecamento vaginal: diminuição da lubrificação vaginal, o que pode causar desconforto durante a relação sexual.
  • Redução da densidade óssea: aumento do risco de osteoporose devido à diminuição do estrogênio.
  • Insônia: dificuldade em dormir ou manter o sono durante a noite.

Cursos da Sagifit sobre Saúde e Bem-estar

Se você está buscando mais informações sobre a menopausa e como cuidar da sua saúde nessa fase de transição, a Sagifit oferece cursos online ministrados por profissionais qualificados. Esses cursos abordam diversos temas relevantes para mulheres em diferentes fases da vida, incluindo informações sobre a menopausa e outras estratégias para promover o bem-estar. Para saber mais, acesse o site https://sagifit.com.br/cursos.

Aviso legal

Este artigo tem como objetivo fornecer informações sobre a possibilidade de voltar a menstruar durante a menopausa, com base em conhecimentos gerais. Ele não substitui a orientação médica individualizada. Se você está enfrentando sintomas atípicos após a menopausa ou tem preocupações específicas sobre a sua saúde, é fundamental consultar um profissional de saúde qualificado para receber orientações adequadas ao seu caso. Além disso, qualquer decisão relacionada à saúde deve ser tomada em conjunto com um profissional capacitado, considerando suas necessidades e histórico médico.